Slow Food Brasil

Cadastre o seu e-mail e receba novidades:

Oitenta quilos de alimentos que iriam para o lixo - recolhidos em uma feira livre, em um mercado e em um evento gastronômico- foram transformados em um jantar para 350 pessoas na noite da última quinta, em São Paulo.

 

O restaurante Dalva e Dito, de Alex Atala, virou palco da Disco Xepa, misto de jantar e balada organizado pelo movimento Slow Food. A proposta: alertar contra o desperdício de alimentos.

A festa foi realizada pela primeira vez no país. A ideia, agora, é fazer dessa balada gastronômica um evento regular; a organização prevê ao menos dez edições já para o ano que vem.

O conceito é importado da Europa. Desde 2012, quando foi criada pelo braço jovem do Slow Food holandês, a Disco Soup teve edições em cidades como Berlim, Nova York e Paris; em algumas, atraiu mais de 5.000 pessoas.

"Esse é um movimento que nasceu dos jovens", disse à Folha o italiano Carlo Petrini, fundador do movimento Slow Food na década de 1980. "Só eles parecem ter energia e cabeça aberta para criar um novo paradigma."

Segundo um relatório da FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação), o mundo desperdiça 1,3 bilhão de toneladas de alimentos por ano -26 milhões no Brasil.

"A comida perdeu o valor; hoje, 40% do que se produz vai diretamente para o lixo", diz Petrini.

Xepa da Xepa

No jantar de quinta-feira, os chefs reaproveitaram a xepa de uma feira livre -para fazer ratatouille e penne com legumes- e sobras de pratos preparados em aulas da Semana Mesa SP; uma carne de porco preparada no evento organizado pelo Senac foi desfiada e enriqueceu um cuscuz e um prato com espuma de mandioquinha.

Do jantar feito com sobras, aliás, sobrou muita coisa -nada foi para o lixo. Os restos serão reaproveitados mais uma vez, em compotas e chutneys.


Texto publicado no caderno Comida da Folha de S.Paulo em 13/11/2013

Conheça mais sobre Slow Food InternacionalFundação Slow Food para BiodiversidadeTerra MadreUniversidade das Ciências Gastronômicas

» SLOW FOOD BRASIL | Login »»

© 2013 Slow Food Brasil. Todos os direitos reservados aos autores das fotos e textos.
Não é permitido reproduzir o conteúdo deste site sem citar a fonte, link e o autor.
Design e desenvolvimento: DoDesign-s