Slow Food Brasil

Cadastre o seu e-mail e receba novidades:

Engenho de Farinha Tradicional. Foto: Marcia RiedererA freguesia de Nossa Senhora das Necessidades, foi fundada por volta 1698, pelo Padre Matheus de Leão e doze casais de portugueses. Em 1748 chegam a Ilha de Santa Catarina seis mil açorianos. Boa parte fica na freguesia, que trocam o nome por Santo Antônio e provocam uma verdadeira "revolução industrial". Os povoadores fracassam na tentativa de cultivar o trigo e se voltam para a cultura da mandioca.

As tafonas de trigo se transformam em engenhos de cangalhas de tração animal, para a produção de farinha de mandioca. Fato este que chamou atenção da coroa portuguesa. D.JoãoV cria a provisão régia de nove de agosto, determinando como, e para quem essa farinha deve ser comercializada e incentiva a criação de novos engenhos de farinha em todo o litoral catarinense.

Por mais de dois séculos, os engenhos de farinha de mandioca impulsionaram a economia em todo o litoral.

Na sexta-feira, 31 de julho, juntamente com alguns pequenos produtores de agricultura familiar, tive a oportunidade de visitar a feira AGRIFAM , que se realizou na cidade paulista de Agudos.

Organizada pela FETAESP , a feira contou com o apoio de várias instituições de pesquisas e de universidades, que ofereceram palestras, informações e demonstrações para pequenos e medios produtores, que geralmente encontram algumas dificuldades em acessar as novidades do setor.

De 13 a 16 de agosto Buenos Aires será cenário da primeira edição do Terra Madre Argentina. O encontro, organizado em colaboração com o evento Caminos y Sabores do Grupo Clarín, será o espaço de encontro para mais de 200 delegados de todas as categorias da rede nacional do Terra Madre: agricultores, pescadores, produtores de alimentos bons, limpos e justos, cozinheiros, estudantes, professores universitários e, naturalmente, co-produtores.

A delegação partirá dos mais diversos ângulos da Argentina (desde Tilcara a Ushuaia e de Misiones a Mendonza) e também do Uruguai, e representará os próprios territórios para participar a seminários, discutir temáticas de interesse comum e desenvolver soluções para os problemas quotidianos relacionados à produção e ao consumo de alimentos.

Entre os dias 18 e 21 de setembro de 2009 acontece em Bra (Itália), "Cheese - as formas do leite" evento bienal organizado pelo Slow Food e pela cidade de Bra.

Esta manifestação internacional, que chega à sua sétima edição, tornou-se um ponto de referência para os artesãos da produção de leites e queijos mundial e para um amplo público de apaixonados, graças à sua capacidade de apresentar "as mil almas do queijo", dos animais produtores de leite ao produto final. Cheese tem como objetivo contar as estórias por trás destes produtos mas também, e sobretudo, contribuir a mantê-los vivos.

Nos seus dez anos de estória, Cheese mudou a percepção do mundo caseário por parte dos consumidores, colocando os refletores sobre a variada produção artesanal: um setor rico em oportunidades mas também cheio de problemáticas e de contradições.

Durante os quatro dias de evento, a cidade de Bra transforma-se em um grande laboratório de idéias, debates, degustações, atividades didáticas e mercado. Uma das batalhas vencidas por Cheese e iniciadas desde a sua primeira edição em 1997, foi a promoção do leite cru que voltou a  ser considerado pelos consumidores como um elemento imprescindível para que os queijos sejam uma expressão do território e tenham características sensoriais únicas.

O próximo encontro da Comissão Brasileira da Arca do Gosto terá Santo Antônio de Lisboa, em Flórianopolis, como cenário. Entre os dias 11 e 13 de junho os membros da Comissão se reúnem para avaliar a candidatura de novos produtos. O encontro será realizado pelo Instituto Morro da Cutia de Agroecologia (IMCA), com apoio da Secretaria de Desenvolvimento Territorial (SDT) do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). Em Florianópolis, a organização conta com o suporte do Convivium Slow Food Engenho de Farinha e do Centro de Estudos e Promoção da Agricultura de Grupo (CEPAGRO).

Conheça mais sobre Slow Food InternacionalFundação Slow Food para BiodiversidadeTerra MadreUniversidade das Ciências Gastronômicas

» SLOW FOOD BRASIL | Login »»

© 2013 Slow Food Brasil. Todos os direitos reservados aos autores das fotos e textos.
Não é permitido reproduzir o conteúdo deste site sem citar a fonte, link e o autor.
Design e desenvolvimento: DoDesign-s