Slow Food Brasil

Cadastre o seu e-mail e receba novidades:

» Para receber os textos do Slow Food Brasil por email, basta você cadastrar seu endereço:


Acompanhe também via: Slow Food Brasil via RSSSlow Food Brasil no TwitterSlow Food Brasil no Facebook

7o festival umbu2015 bahia

Festival do Umbu acontece nos dias 6 e 7 de março de 2015 no sertão da Bahia e vai celebrar a cultura entorno desta fruta tão emblemática para a Caatinga

Tudo começou com uma comemoração pelo sucesso da colheita, em 2009. No ano seguinte, aquele momento se ampliou e ganhou o nome de festa. Pouco tempo depois, o termo também já não era suficiente. Foi, então, que a cidade de Uauá, localizada a cerca de 450 quilômetros de Salvador/Bahia, assumiu que tinha um Festival Regional do Umbu.

Convívio Primeira Colônia Italiana, grupo local do Slow Food em Garibaldi/RS, realizou o primeiro encontro do ano de 2015. A reunião ocorreu na terça-feira 3 de fevereiro, no restaurante ReR DiVino.

Na data, o grupo avaliou as ações realizadas em 2014, em especial o sucesso da gastronomia do convivium no Natal Borbulhante. Além disso, foi definida a agenda de 2015, da qual pode-se destacar uma visita ao Slow FoodSerra Gaúcha – do município de Canela – e a realização da palestra Educação do Gosto, que integra a programação do Veraneio da Vindima e ocorrerá em 25 de fevereiro na Confraria da Tramontina.

Participaram da reunião a líder do convivum e secretária de Turismo e Cultura de Garibaldi, Ivane Fávero, a turismóloga Melina Casagrande, as nutricionistas Bruna Postingher e Renata Boscaini David, o chef Vagner Paim, a gerente administrativo da Osteria della Colombina, Raísa Bettú Lazzari, o proprietário do ReR DiVino, Renan dos Santos, a nutricionista Daiane Bortolini e Márcio Bortolini, proprietários do Sabor Ecológico e Lisiane Garcez.

Quem tiver interesse em participar do convivium Primeira Colônia Italiana pode entrar em contato no e-mail ivanefa@gmail.com ou se associar on-line através deste link.

Crédito da foto: Melina Casagrande

É com muita alegria que o Sítio Flor de Ouro convidada a todos para participarem da 6° edição do Curso Básico de Meliponicultura  ( Criação de Abelhas sem Ferrão).

O curso foi elaborado para aqueles que desejam ingressar  na criação de Abelhas Sem Ferrão,  para criadores que buscam aprimorar suas técnicas de manejo ou simplesmente para quem busca mais informações sobre o assunto.

Serão dois dias inesquecíveis de imersão no incrível mundo das abelhas sem ferrão, com muitas atividades práticas, onde poderão conhecer de perto as abelhas nativas sem ferrão e aprender todos os cuidados básicos pra se obter sucesso na criação.

O Sítio Flor de Ouro conta com 10 anos de experiência prática na meliponicultura,oferecendo todo suporte técnico e rico material didático para aprendizagem.
Vagas Limitadas!

Local: Sítio Flor de Ouro, Florianópolis, SC.
Data: 17 e 18 de janeiro de 2015.
Facilitador: Pedro Faria Gonçalves – Agrônomo, Meliponicultor e Agricultor ecológico.

Inscrições e informações pelo email: contato@flordeouro.com

 

abelhas-nativas-sem-ferrão-sitio-flor-de-ouro-slow-food-slow-bee-stingless

Transferência inteligente de ninhos de abelhas sem ferrão em troncos para caixas racionais sem stres para as abelhas.

 

abelhas-nativas-sem-ferrão-sitio-flor-de-ouro-slow-food-slow-bee-stingless-mandacaia

Degustação de mel de abelha nativa sem ferrão Mandaçaia

Texto e fotos: Sitio Flor de Ouro

No Terra Madre 2014 o GT de Abelhas Nativas do Slow Food Brasil junto com países da América Latina produziram do documento Moção Abelhas Nativas, de apoio a favor da diversidade de saberes para produção, beneficiamento e conservação dos produtos e das abelhas nativas neotropicais sem ferrão.

terramadreday2014

O Terra Madre Day é uma celebração mundial do alimento local, realizada anualmente no dia 10 de dezembro.

Qualquer um pode participar ou organizar um evento! Procure um evento próximo de você, ou organize você mesmo um evento novo, grande ou pequeno, seja qual for o lugar que você mora no planeta.

Através de milhares de eventos, diversos e únicos, organizados no mundo inteiro, juntos vamos demonstrar que uma revolução alimentar global assenta em raízes locais.

No domingo do dia 23 ocorreu a primeira Disco Xepa de Porto Alegre. Ela levou o nome de Grafi Xepa e buscou espalhar a conscientização contra o desperdício de alimentos unindo comida, grafite, música e skate. Em parceria com a comunidade da Zona Norte de Porto Alegre, o evento reuniu 6 bandas de rap e vários grafiteiros da cidade.

A coleta dos alimentos foi feita no CEASA/RS e virou arroz thai com batatas rústicas e molho pesto de radite, provando por A mais B que a xepa pode ser uma delícia.

Para ver mais fotos acesse a fan page do convívium Slow Food Sul

Conheça mais sobre Slow Food InternacionalFundação Slow Food para BiodiversidadeTerra MadreUniversidade das Ciências Gastronômicas

» SLOW FOOD BRASIL | Login »»

© 2013 Slow Food Brasil. Todos os direitos reservados aos autores das fotos e textos.
Não é permitido reproduzir o conteúdo deste site sem citar a fonte, link e o autor.
Design e desenvolvimento: DoDesign-s