Slow Food Brasil

Cadastre o seu e-mail e receba novidades:

O trigo veadeiro é uma variedade brasileira do trigo comum, pertencente a família das Poáceas, muito bem adaptada ao Cerrado e com alta produtividade. Conta a história que esse trigo teria chegado através de uma família de egípcios, que plantou e distribuiu, nesta região, o trigo conhecido localmente como camuti. 

A maior parte dos trigos introduzidos no Brasil não apresentou adaptação às condições de cultivo. Os agricultores, então, plantavam uma mistura de tipos, com os trigos mais adaptados permanecendo em cultivo; vários deles sobreviveram ao longo dos anos. Esses trigos são conhecidos como trigos coloniais, locais, crioulos, nativos ou indígenas. Entre eles, está o trigo veadeiro.

Foi muito cultivado entre os séculos XVIII e XX na região da Chapada dos Veadeiros, no Estado de Goiás, entre os municípios de Colinas do Sul, Cavalcante e Alto Paraíso, chegando a produzir e exportar 30 toneladas/mês no final do século XIX, mas quase chegou a desaparecer por completo em virtude da introdução de variedades mais comerciais. 

O fato é que o trigo veadeiro é reconhecido pela Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia como da variedade crioula kamut, de coloração avermelhada, e baixo teor de glúten. A variedade consta em seu banco de sementes e está disponível para distribuição a agricultores familiares da região. 

Em paralelo, a Cidade da Fraternidade é uma comunidade localizada próxima de Alto Paraíso que desde 2005 vem tentando reproduzir o cultivo do trigo, após ter conseguido sementes junto ao Cenargen.

O trigo veadeiro pode ser usado para panificação em geral, bolos, biscoitos. 

Indicação por Jean Marconi de Oliveira Carvalho
Revisão por Ligia Meneguello

Referências:
Attuch IM, 2006 Conhecimentos tradicionais do Cerrado: sobre a memória de Dona Flor, raizeira e parteira. 147 f. Dissertação (Mestrado em Antropologia) - UnB.
Diniz F, 2014. Trigo veadeiro: das câmaras geladas da Embrapa para as lavouras de Alto Paraíso
Ministério da Agricultura 2005. Informativo da Embrapa Recursos Genéticose Biotecnologia - Dezembro de 2005
Oliveira RS et al, 2011. Indicações Geográficas (IGs): Por uma emancipação democrática da agricultura comunitária
Sousa CNA, 1995. Cultivares de Trigo no Brasil. I - Cultivares disponíveis antes de 1950.
Sousa CNA, Caierão E, 2014. Cultivares de Trigo Indicadas para Cultivo no Brasil e Instituições Criadores 1922 a 2014
Valente ALEF, 2014. Em busca da indicação geográfica em Alto Paraíso de Goiás: o café, o trigo veadeiro, as belezas naturais, a paisagem e os OVNIs.
Documentário Cooper Frutos

Este produto compõe o projeto
Logo Novo Projeto site copy 

Conheça mais sobre Slow Food InternacionalFundação Slow Food para BiodiversidadeTerra MadreUniversidade das Ciências Gastronômicas

» SLOW FOOD BRASIL | Login »»

© 2013 Slow Food Brasil. Todos os direitos reservados aos autores das fotos e textos.
Não é permitido reproduzir o conteúdo deste site sem citar a fonte, link e o autor.
Design e desenvolvimento: DoDesign-s